Comprando eletrônicos em Hong Kong.

O Techguru fez uma matéria muito legal que fala de compras na China, como eu sou um comprador fanático da China (dealextreme) vou colocar o texto de quem compra lá mesmo, ao vivo e a cores hehe

Abraços a todos, vale a pena a leitura.

Desde 1996 quando comecei a frequentar a Ásia, sempre fui questionado por amigos sobre como funciona o mercado de eletrônicos na China. Diante do que é mito ou verdade, pensei que seria um bom momento para escrever um pouco sobre a compra de eletrônicos em Hong Kong.

Neste post vou abordar apenas a compra de eletrônicos em Hong Kong, e vou subdividir em duas categorias, computadores e acessórios e eletrônicos em geral, como audio  vídeo por exemplo. Falarei um pouco sobre os “centros comerciais”, ou “paraíso dos eletrônicos”, e darei também algumas dicas.

Em várias ocasiões, mencionamos aqui no Techguru os chamados “Computer Centre” espalhados pela cidade de Hong Kong, onde você pode encontrar praticamente qualquer coisa que possa imaginar.

Estes “centros” são difíceis de descrever se você nunca esteve em um, a melhor comparação que posso fazer é que são algo como um Stand Center ou Promocenter (populares em São Paulo), porém com a diferença de terem somente equipamentos inovadores e de primeira linha, muito diferente dos centros que encontramos no Brasil, onde um roteador TP-LINK por exemplo, é considerado uma boa marca. Aqui na China, um roteador destes é marca de quinta categoria.

Normalmente ocupando três ou quatro andares em edifícios comerciais, esses centros podem intimidar no início, pois são lotados, abafados, desorganizados e confusos. Há tantas pequenas lojas, uma grudada na outra, que você muitas vezes não sabe por onde começar.

Dica: Faça uma lista do que você realmente precisa comprar, caso contrário, vai se atrapalhar ou ficar confuso diante tantos produtos e ofertas interessantes.

Permita-me oferecer algum incentivo geral, se você está visitando Hong Kong (ou qualquer grande cidade na China), você não deve fugir desses centros comerciais, por mais que eles pareçam uma “roubada”, principalmente se você tem alguns produtos em mente e quer encontrá-los sem ter que procurar muito.

Se você ainda não está convencido que estes centros são uma boa opção e está pensando em comprar em uma loja comum, vamos dismistificar de uma vez por todas os centros comerciais. As coisas são realmente mais baratas que nas lojas comuns? Vale a pena o tempo gasto para comparação? Do que você precisa para negociar? A mercadoria é de primeira mão ou falsificada? Você pode ser enganado?

Vamos esclarecer cada um destes itens, um por um, e então você terá como concluir se estes centros são ou não uma boa opção.

As coisas são realmente muito mais baratas? Sim, com algumas poucas exceções. Para a maioria dos produtos de marca ou “PCs montados”, você não vai conseguir bater os preços em nenhuma loja convencional, devido ao grande volume de venda diário nestescentros. Estamos falando de milhões de dólares por dia! Esses Centros são realmente ótimos lugares para se conseguir um desconto. Uma exceção por exemplo são os produtos da Apple, os preços são tabelados, tanto aqui quanto em qualquer lugar do mundo.

Vale a pena o tempo gasto para comparação? Sim vale, mas eu diria que é uma pena passar horas pesquisando em volta desses lugares apertados e lotados. Você vai enlouquecer se tentar comparar um preço em cada loja que vender os mesmo produto. Descobri que as diferenças de preços dentro desses centros é mínima, não me lembro de encontrar algum preço grosseiramente diferente de outro. Porém, sempre que possível pergunte em pelo menos dois ou três lugares para garantir que está pagando um valor justo.

Ás vezes, por incrível que pareça, Miami e Ciudad Del Leste tem preços similares. A exceção a esta regra é lembrar que cada um desses “centros” está localizados em diferentes lugares da cidade (o que significa aluguéis e custos fixos diferenciados). Portanto, para encontrar os melhores preços, você deve se locomover para os centros mais afastados da ilha de Hong Kong (metro quadrado mais caro do mundo).

Você negocia? Claro, ainda mais se você gosta de pechinchar como eu. Mas não fique revoltado se ouvir como resposta descontos de no máximo 5% a 10%. No passado, era bem mais fácil obter preços melhores na hora da compra, porém o preço dos eletrônicos ficou mais acessível, as margens caíram e novas marcas apareceram. Negociar é obrigatório especialmente quando se trata de hardware para PC.

Um exemplo de uma tentativa minha em uma loja no WanChai Computer Centre, apos decorar algumas frases em chinês:

Chinês dono da loja: “Este Netbook Asus custa US$ 500”.

Eu: “Wah! Mo chou gow Yam ah! Hou Tsin ah! Tse bak M-SAP MAN ah! (Você está brincando, é muito caro! Pago US$ 400)”.

Chinês dono da loja: “Seu Cantonês é péssimo, e ainda são US$ 500″.

Neste caso não teve negociação, mas acabei achando o mesmo produto por um preço melhor.
 
A exceção: Se você estiver comprando um computador inteiro, ou outros itens caros, eu sugiro fazer uma real negociação. Você pode ser capaz de obter um preço mais baixo ou um upgrade na máquina, os softwares de valor agregado também são moeda de troca, eu já consegui um Adobe CS3 de graça (original obviamente).

A mercadoria é de primeira mão, ou falsificada? Sim, essa é uma das grandes lendas de Hong Kong (e realidade em alguns lugares na China). Os produtos que você verá nestes lugares são absolutamente legítimos. Eles vão estar lacrados na embalagem do seu fabricante, acompanhado com suas respectivas garantias validas.

Nem sempre foi assim, mas quando as grandes marcas descobriram que esses centros representam uma grande fatia nas vendas de eletrônicos, além de ter uma intensa fiscalização contra produtos piratas, essas empresas passaram a olhar com bons olhos para estes centros, e passaram a patrociná-los. Logo na entrada você é impactado com anúncios e estandes promocionais de marcas como Samsung, Dell, HTC, HP, Microsoft e Vodafone. Sinceramente, eu não encontraria lugar mais apropriado para essas marcas falarem com seus compradores e com formadores de opinião.

Você pode ser enganado? É difícil, muito difícil. Minhas impressões da maioria dos funcionários e donos destas lojas, é que eles podem não ter algumas virtudes sociais, mas isso não quer dizer que sejam malandros.

Na minha última compra em um centro desses, comprei um drive de DVD externo Samsung, por 35 dólares, e descobri que não era bem o que eu queria após abrir o pacote. Decidi que iria tentar trocá-lo na loja em que comprei. Apresentei a minha situação para a jovem da loja e já estava conformado em pegar algumas outras mercadorias em troca, mas ela insistiu para que eu pegar o reembolso em dinheiro, o que me possibilitaria comprar um outro drive em outra loja, no caso um Blu-ray drive externo por 80 dólares.

Isto mostra que as lojas destes centros dão valor ao cliente, são honestas e tratam muito bem seus consumidores. Como dou valor a um bom serviço, e gosto de ser bem atendido, voltei lá depois e comprei um SD card de 32GB que estava precisando.

Vou terminar o post listando e apresentando um breve resumo dos principais “Computer Centres” de Hong Kong. Listarei apenas quatro deles, já que estes são os que eu ja fui bastante. Se alguém souber de outros lugares, entre em contato que publicaremos aqui.

Todos estes lugares são bastante semelhantes oferecem muitas lojas e uma ampla seleção de produtos a preços competitivos. Eles não são idênticos, por isso vou tentar mencionar as diferenças, para que você possa escolher aquele que melhor se adapte às suas necessidades.

Golden Computer Arcade: De certa forma, esta é a nave-mãe desses centros em Hong Kong. É grande, barato, e tem uma atmosfera informal (igual ao nossos Stand Centers da vida). A desvantagem esta na sua localização fora dos pontos turísticos (embora seja muito fácil chegar via Metrô).

Para chegar lá, pegue o MTR da linha de Tsuen Wan na estação de Sham Shui Po, e saia na saída D2. Quando chegar até ao nível da rua, você verá o prédio gigante do outro lado da rua.

É o melhor lugar para periféricos e acessórios, incluindo cartuchos de impressora, CDs e DVDs virgens. Você também encontrará muitas barracas de jogos (Xbox 360, PSP, PS3), e um monte de cabos e acessórios de cabeamento. É também um bom lugar para especialistas em todas as peças necessárias para construir PCs (RAM, drives, placas-mãe, bem como impressoras, scanners, e notebooks).

Mongkok Computer Center: Todas as coisas de computador padrão atual, estão em oferta no coração pulsante da Mongkok. Você pode alcançá-lo, tomando um MTR ou outros transportes públicos para Mongkok, em seguida, dirija-se para a Rua Nelson Street. Tem quase tudo que o Golden Computer Arcade, adicionado dois andares exclusivos para celulares, smatphones, Netbooks e dispositivos wireless em geral.

298 Hennessy Road: Muito conveniente para aqueles que como eu ficam hospedados na ilha de Hong Kong. É fisicamente muito mais agradável para fazer compras, com corredores espaçosos entre as lojas. Você também vai pagar pelo privilégio, infelizmente, porque os preços aqui são definitivamente maiores do que as outras opções. É realmente no meio do caminho entre as estações MTR de Wanchai e Causeway Bay.

Wanchai Computer Center:  Já foi citado diversas vezes aqui no Techguru, este Centro é mais sofisticado e um pouco menor do que os outros, mas ainda assim, tem uma boa variedade de produtos e é muito conveniente para chegar. Basta tomar a saída A4 da estação MTR Wanchai, a entrada é logo à esquerda.

Realmente os “computer centres” são a melhor opção, como já citei algumas vezes, mas se mesmo assim você quiser ir em lojas comuns de rua, existem naturalmente, muitas lojas de informática espalhadas pela cidade.

Porém, para a maioria de nós, estes centros de computador irão atender todas as nossas necessidades GEEKS, fora o fato de você poder sempre pechinchar e tentar negociar. Eles nem sempre irão ceder, como eu citei, pois suas margens são muito apertadas, mas é sempre bom tentar.

Espero que tenham gostado de saber um pouco, de como é comprar eletrônicos em Hong Kong, e principalmente de como funcionam estes “paraísos dos eletrônicos”. Em minha próxima visita à Hong Kong, trarei mais novidades para vocês

Este QR-Code permite acessar o artigo pelo celular. QR Code for Comprando eletrônicos em Hong Kong.

15 Comentários

  1. Fabricio disse:

    OLA TUDO BEM?
    EU QUERIA TAMBÉM INGRESSAR NO NEGOCIO DE COMPRAR PRODUTOS DA CHINA E PRECISO DE UM SITE CONFIAVEL OU UM FORNECEDOR PRA PODER COMPRAR OS PORDUTOS

    ME MANDE UM E-MAIL COM RESPOSTAS
    OBRIGADO

  2. gilberto disse:

    BOA NOITE!
    DESEJO COMPRAR NOTBOOKS CELULARES CAMERAS DIGITAIS (SAMSUNG) ENTRE OUTROS PRODUTOS DIRETO DA CHINA.
    E COMO LI QUE VOCE JA TEM EXPERIENCIA GOSTARIA DE QUE ME AJUDA SE NESSA MINHA NOVA CAMINHADA.

  3. Dilermando disse:

    Prezado, bom dia,

    Li sua reportagem. Achei interessante. Qual sua opinião sobre os produtos que são vendidos no site da provedora Terra: Compre da China? Por exemplo, tenho interesse no produto Celular MP20 BlackBarry Bold 9700 c/ TV e WI-FI por R$ 299,90. A operacionalização deste aparelho é o mesmo do blackberry?

  4. Gilmar disse:

    Ola vou na china dia 15 de setembro e gostaria de ver como estao os precos para eu me programar.
    poderia me fornecer alguns sites?
    obrigado

  5. guilherme disse:

    Olá, gostaria que vc me auxiliasse, necessito adquirir tenis e chuteiras nike e adidas, vc saberia me indicar algum fornecedor confiavel??

  6. lourdinha disse:

    por favor estou precisando de uma ajuda enorme, voce já bem experiente. então estou com uma economia e desempregada gostaria de comprar coisas em hog kong para vender aqui tipo computador peças celulares me ajude amigo por amor a Deus. irá fazer uma caridade para mim.aguardo contato.

    • Richard Max disse:

      Cara lourdinha, o post que escrevi é apenas uma referencia para quando for viajar.
      Não tenho como lhe falar onde comprar.
      Sugiro que veja o http://www.dealextreme.com para compra de produtos, lembrando que o mesmo demora minimo 30 dias para chegar e que deverá ser taxado em até 60% por impostos no Brasil.

      Obrigado pela visita

  7. Luiz disse:

    legal o seu post, fui varias vezes a china tb, mais e aprimeira que irei a Hong Kong tem alguma dica para compra de game e roupas de grife?

    abraço

  8. Cléberton Rosa disse:

    Obrigado pelas informações compartilhadas no seu post, tenho um amigo q foi morar na china a um mês, e stara indo a Hong Kong para fazer algumas compras, preciso q ele compre pra mim uma camera fotográfica Canon profissional, gostaria de verificar ou comparar preços em algum site antes dele fazer essa viajem, poderia me enviar algumas opções, e saberia me dizer como funciona e a questão d valores de envio de encomendas pra o Brasil, e se pagarei algum tipo de de taxa de importção, desde ja obrigado.

  9. Paulo disse:

    Ola, estou pensando em ir para china mes que vem para comprar coisas para vender. Ja vendo algumas coisas da china so que compro as coias pela internet (ex: http://www.ebay.com e http://www.amazon.co.uk...) acredito que se eu for para china consigo achar pre’cos melhores.
    Entao estou fazendo uma pesquisa no google em portugues e ingles e esse foi o melhor post q achei ajudou mt.
    Se tiver mais algumas dicas de onde eu posso comprar pendrive memory card na china me mande obrigado

    Obrigado

  10. Ligia disse:

    Ola. Você sabe me dizer se esses mercados de eletronicos também são vantajosos para compra de máquinas fotográficas (SLR) e acessórios? (lentes, flashes, etc).
    Tem algum site onde é possível ter uma nocão dos itens e preços vendidos por lá?
    Obrigada!

  11. Tamires disse:

    Olá, irei mês que vem para Hong Kong, o que você sugere ser melhor para levar para lá Dolar Americano ou Dolar Hong Kong?

Deixe o seu comentário


5 + = sete


 
%d blogueiros gostam disto:
Google+