Tempo para Leitura: 2 minutos

A Autodesk, Inc. anuncia o lançamento de sua E-Store no Brasil com o objetivo de popularizar seus produtos no mercado VSB (Very Small Business). Este mercado se caracteriza por empresas que possuem até quatro funcionários.

De acordo com dados do IBGE, empresas de arquitetura, engenharia e design representam 1,2% do mercado VSB. Já um estudo do Sinaenco divulgado em 2012 (Sindicato da Arquitetura e Engenharia), afirma que, de todas as empresas do setor de arquitetura e engenharia, 85% se enquadra na classificação VSB.

O Brasil tem sido considerado um dos maiores polos de empreendedorismo do mundo. De acordo com uma pesquisa realizada pela organização internacional Endeavor, 75% dos brasileiros gostariam de ter seu próprio negócio. Já um estudo do GEM (Global Entrepreneurship Monitor (GEM) realizado em 2010, mostra que o país possui a maior Taxa de Empreendedores em Estágio Inicial, quando comparado aos 59 países que participaram da pesquisa. Ao todo, o Brasil tem 21,1 milhões de empreendedores, de todos os setores e tamanhos.

Segundo Celso Previdelli, diretor de Canais da Autodesk para América Latina a Autodesk atende a empresas de todos os setores e tamanhos e busca a melhor forma de falar com cada uma delas. Por isso a estratégia de e-commerce foi adotada para atender ao mercado de microempresas.

“Nossa experiência nos ensinou algumas peculiaridades do comportamento de compra do microempresário. A principal delas é a praticidade em todos os aspectos, desde o canal até a forma de pagamento”, afirma  Previdelli.

autodesk_logo

“O nicho de VSB vem ganhando força no cenário atual por conta do potencial de desenvolvimento e amadurecimento do mercado brasileiro. Como parte da estratégia de negócio da Autodesk, o Brasil apresenta possibilidades de crescimento em um curto período de tempo” conclui o executivo.

O potencial do mercado brasileiro de e-commerce vem ganhando força nos últimos anos. Dados de um estudo realizado pela consultoria italiana Translated, revelam que o Brasil deve ser o 5º maior mercado de comércio eletrônico em 2013, podendo ocupar o 4º lugar em 2016, ultrapassando países como Reino Unido e Alemanha. Em 2012, segundo o e-Bit, o e-commerce no Brasil faturou R$ 22,5 bilhões.

O Brasil é o primeiro país da América Latina em que a Autodesk disponibiliza sua ferramenta de comércio eletrônico. É também o primeiro entre os BRICS. O objetivo principal é facilitar o primeiro contato dos usuários VSB com as tecnologias da empresa, tornando-se uma porta de entrada para um portfólio completo de soluções Autodesk, fornecido por sua cadeia de canais. A loja entrará no ar a partir do dia 11 de junho.

A empresa já tem lojas virtuais em mais 12 países: Estados Unidos, Reino Unido, Itália, Suiça, França, Alemanha, Japão. Austrália, Nova Zelândia, Coreia e Cingapura. Serão disponibilizados os produtos de entrada, tais como: AutoCad LT, Inventor LT e Schetckbook Pro. Esses produtos poderão ser adquiridos na sua versão tradicional ou por meio de assinatura, prática de uso flexível do software adotada há mais de uma década pela Autodesk.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.