Tempo para Leitura: 2 minutos

A Espanha está entre os cinco destinos favoritos da comunidade de Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis, Transexuais e Transgêneros (LGBT) nos Estados Unidos e entre os três primeiros na Europa.

Agora o país está mirando o grande mercado LGBT brasileiro, em parceria com a Associação Brasileira de Turismo para Gays, Lésbicas e Simpatizantes (ABRAT GLS).

O país está apostando alto no turismo gay, segmento que vem crescendo a um ritmo superior a 10% ao ano, o dobro da média do receptivo de turistas internacionais no mundo e, na atualidade, já representa 10% do fluxo mundial de viajantes e algo mais de 15% do gasto turístico.

O turismo LGBT é ‘estratégico’ para a Espanha e o país não está poupando esforços para convencer seus clientes de que esse é o melhor destino possível para viver experiências inesquecíveis e desfrutar. Prova disso foi a celebração em Madri este ano da Convenção Mundial de IGLTA (a associação LGBT mais importante relacionada ao turismo e aos negócios), e da captação do World Pride 2017, o festival mundial do Orgulho Gay que também terá lugar no país.

‘A Espanha é um país que tem tudo para receber bem aos LGBTs brasileiros. Foram pioneiros nos direitos desta população, aprovando o casamento igualitário e a adoção por casais do mesmo sexo, bem antes que muitos destinos famosos europeus. Além disso, tem uma combinação de destinos ícones gays como Madri, Barcelona, Ibiza e Sitges, com tantos outros destinos lindíssimos que são muito amigáveis. Também realizam eventos LGBT de renome internacionais, tanto para gays como para lésbicas’ diz a Presidente da ABRAT GLS, Marta Dalla Chiesa. ‘Nossa parceria vai ajudar a divulgar tudo isto para o público e trade turístico brasileiro’, complementa Dalla Chiesa.

‘Com um padrão de consumo 30% maior do que os heterossexuais com a mesma faixa de renda, o turismo se destaca entre uma das principais despesas do público gay. Os homossexuais viajam até quatro vezes mais do que os heterossexuais e queremos que na hora de pensar numa viagem internacional os turistas LGBTs brasileiros saibam que a Espanha os recebe de braços abertos’ disse Elvira Marcos, diretora do Escritório de Turismo da Espanha no Brasil.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.