Tempo para Leitura: 2 minutos

f1_autralia_podium

A corrida na Austrália, em 16/03, abertura da temporada 2014 da Fórmula 1, teve de tudo, menos os resultados esperados e foi o dia dos “segundo piloto”. Foi uma corrida relativamente tranquila com poucos acidentes e sem chuva.

Na volta de apresentação Vettel já reclamou de problemas no carro e falta de potência e acabou abandonando a corrida logo nas primeiras voltas. O resultado negativo foi para o Kobaiashi que logo na largada resolveu ignorar os outros carros, acabou batendo no Massa e retirando ambos da corrida.

Por outro lado, a surpresa foi o Bottas, companheiro do Massa na William, que fez um bom início de corrida, foi ganhando diversas posições com ultrapassagens muito bonita, alguns por fora, mesmo de pilotos como Kimi, mas um toque quando estava chegando no Alonso dificultou um pouco a corrida e por conta do pneu e roda que ficaram no meio da pista, causou a entrada do Safety Car. Destaque positivo para os estreantes Magnussen (P2) e Kvyat (P9), ambos marcando pontos já na estréia.

Ricciardo chegou em segundo, mas acabou desclassificado após o término da corrida, os fiscais descobriram uma irregularidade no consumo de combustível no carro da Red Bull.

Hamilton acabou tendo problemas também e para poupar o motor abandonou a corrida. A Lotus de Grosjean e Maldonado continua com sérios problemas e ambos não finalizaram a corrida, Ericsson da Caterham também não finalizou a prova.

E foi assim que começou a temporada de 2014.

1 – Nico Rosberg – Mercedes – 25
2 – Kevin Magnussen – McLaren-Mercedes – 18
3 – Jenson Button – McLaren-Mercedes – 15
4 – Fernando Alonso – Ferrari – 12
5 – Valtteri Bottas – Williams-Mercedes – 10
6 – Nico Hulkenberg – Force India-Mercedes – 8
7 – Kimi Räikkönen – Ferrari – 6
8 – Jean-Eric Vergne – STR-Renault – 4
9 – Daniil Kvyat – STR-Renault – 2
10 – Sergio Perez – Force India-Mercedes – 1
11 – Adrian Sutil – Sauber-Ferrari – 0
12 – Esteban Gutierrez – Sauber-Ferrari – 0
13 – Max Chilton – Marussia-Ferrari – 0
14 – Jules Bianchi – Marussia-Ferrari – 0
15 – Romain Grosjean – Lotus-Renault – 0
16 – Pastor Maldonado – Lotus-Renault – 0
17 – Marcus Ericsson – Caterham-Renault – 0
18 – Sebastian Vettel – Red Bull Racing-Renault – 0
19 – Lewis Hamilton – Mercedes – 0
20 – Felipe Massa – Williams-Mercedes – 0
21 – Kamui Kobayashi – Caterham-Renault – 0
22 – Daniel Ricciardo – Red Bull Racing-Renault – 0

Após a primeira corrida, está claro que os motores da Mercedes são superiores aos demais, esperava um desempenho melhor da Ferrari, e sem dúvida os motores Renault precisam de evolução caso queiram competir esse ano.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.