Tempo para Leitura: 3 minutos

Você esta pronto para encarar a vida? O mundo ao seu redor é o que realmente você quer para o seu futuro? Aqueles que comandam realmente sabem o que é melhor para você e sua família? Talvez você seja um Divergente, então, é melhor correr, você esta em perigo!

Baseado no best-seller homônimo da escritora Verônica Roth, o filme provoca, instiga e surpreende em muitos quesitos da vida que olhamos no espelho. O olhar profundo e provocador de algumas pessoas fazem com que outras nos vejam de uma maneira diferente.

O filme Divergente (Summit Entertainment / Red Wagon Entertainment / Paris Filmes) trás à tona a eterna pergunta, o que vamos ser quando crescer? Claro que a estória se passa nos Estados Unidos, em uma futurista Chicago depois da guerra. As pessoas estão divididas em cinco facções distintas com base nas suas qualidades: Os que culpavam a agressividade formaram a Amizade, os que culpavam a ignorância se tornaram a Erudição, os que culpavam a mentira fundaram a Franqueza, os que culpavam o egoísmo geraram a Abnegação, e os que culpavam a covardia se juntaram à Audácia. Todos os jovens ao completar 16 anos passam por um teste onde descobrem a qual facção pertencem. Beatrice Prior, vivida por Shailene Woodley (lembrada como a filha liberal de George Clooney em Os Descendentes) descobre que não se encaixa em só uma facção, ela é Divergente, o que significa que corre grande perigo de ser descoberta, pois os Divergentes não podem ser controlados e devem ser eliminados.

É uma excelente trama. O roteiro assinado por Evan Daugherty e Vanessa Taylor não se entrega à mesmice, coloca todos os elementos à disposição do competentíssimo diretor Niel Burger, que têm no portfólio o surpreendente Sem Limites, onde dirigiu nada mais nada menos que Bradley Cooper e Robert De Niro. O diretor usa e abusa dos planos-seqüência, que tem movimento continuo, vão desde o chão ao alto de uma torre, dá um retoque a cenas de ação com enormes crateras a serem transpostas, aqueles que deixam, quem têm medo de altura, pregados na cadeira.

A edição é impecável e cuidadosa, feita pelo australiano Richard Francis-Bruce, que começou a carreira com Mad Max 3, e engatou sucessos como Óleo de Lorenzo, Um Sonho de Liberdade, Se7en, A Rocha, Harry Potter e a Pedra Filosofal, Motoqueiro Fantasma, Oblivion, tá bom ou quer mais? Ele soube dosar efeitos com as cenas extremamente bem executadas em seu original, o ritmo da edição é acelerado e pausado na medida certa, tem o timing correto para um filme dessa complexidade. Tudo isso embalado na trilha sonora do alemão Hanz Zimmer, que assina a produção musical com o holandês Junkie XL, onde juntos construíram uma quase imperceptível sonorização, mas de importante graduação de impacto, com vários  elementos musicais em momentos chave do filme.

No elenco ainda estão a excelente Ashley Judd (a famosa esposa do piloto da Fórmula Indy, Dario Franchitti) como Natalie Prior, mãe de Beatrice, a sempre exuberante e vencedora do Oscar® de melhor atriz, Kate Winslet (a eterna Rose de Titanic) vivendo uma vilã de expressões singelas e ao mesmo tempo implacáveis. Aliás, o elenco feminino do filme torna os elementos masculinos obscuros e coadjuvantes, são elas que fazem a diferença, como na vida real, as mulheres se colocam sempre como as motivadoras e precursoras de mudanças no mundo.

Sem olhar para o orçamento de US$ 85.000.000 e o atual faturamento de US$ 176.000.000, o estúdio promete para o ano que vêm o segundo filme que dá seqüência à saga. A produção tem aquela aura de sucesso, vai pegar entre jovens e adultos, inclusive você pode saber, antes de assistir, qual é a sua facção, entre na página http://divergenteofilme.com.br, faça o teste e corra para o cinema, Divergente é um dos imperdíveis do ano e você pode estar olhando para sua imagem num espelho gigante.

A gente se encontra na semana que vem!

Beijos & queijos

Texto: Eduardo Abbas

Fotos: Paris Filmes

Follow me on twitter: @borrachatv

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.