Tempo para Leitura: 3 minutos

A Ford estará presente na Campus Party Weekend, edição Recife: maior evento de conteúdo tecnológico do Nordeste brasileiro. Esta edição terá mais de 24 horas de programação ininterrupta por intermédio de atividades simultâneas com palestras, workshops, desafios, educação digital, inovação, ciência e empreendedorismo. A Ford vai expor as atuais tendências de mobilidade e promover um Hackathon para desenvolvimento de aplicativos compatíveis com o SYNC, sistema de conectividade em veículos da marca. A Campus Party Weekend acontece nos dias 20 e 21 de agosto, no Classic Hall, na capital pernambucana.

Como única montadora a participar da Campus Party, desde o evento de São Paulo em 2013, a Ford avalia este como um ambiente ideal para compartilhar suas inovações nas áreas de conectividade, mobilidade, veículos autônomos, experiência do consumidor e análise de dados para melhorar a vida das pessoas e transformar o modo como o mundo se move.

A Ford programou a palestra “Como a evolução tecnológica traz novas tendências de mobilidade”, que será proferida pelo gerente de Estratégia do Produto da empresa, Luciano Driemeier. Mestre em engenharia mecânica pela Unicamp e empregado da Ford desde 2006, Luciano vai abordar como as inovações na área da tecnologia têm contribuído para os desafios contemporâneos de mobilidade e despertam novas demandas em relação à forma como as pessoas se movem.

“Estamos avançando globalmente no plano Ford Smart Mobility em busca de soluções inteligentes de mobilidade. Participar da Campus Party é a oportunidade para trocar experiências com desenvolvedores, empreendedores e entusiastas de tecnologia, apresentar nossas inovações e conhecer o que outras pessoas e empresas estão fazendo neste universo”, ressalta o executivo da Ford.

Seis horas ininterruptas de programação para desenvolver aplicativos compatíveis com o SYNC 3, novo sistema multimídia dos carros da Ford. Este é o desafio lançado pela marca para os desenvolvedores que vão participar da Campus Party Weekend, edição pernambucana da maior feira de tecnologia do Brasil. O Hackathon do SYNC 3 será realizado na madrugada do dia 21 de agosto, no Classic Hall, em Recife, onde está localizado um dos Parques Tecnológicos que compõem o chamado Vale do Silício brasileiro.

A Ford é a única empresa automotiva do Brasil a participar da Campus Party desde 2013. A presença na edição de Recife faz parte da proposta global da Ford de estreitar o relacionamento com desenvolvedores, empreendedores, usuários finais e entusiastas de tecnologia.

“Estamos convidando os desenvolvedores a participar de um novo momento da tecnologia automotiva”, diz David Borges, supervisor de Serviços Conectados da Ford América do Sul.

Hackathon do SYNC 3

As inscrições para o Hackathon do SYNC 3 poderão ser feitas no estande da Ford na Campus Party Weekend, das 14h00 às 23h00 do dia 20 de agosto. As vagas são limitadas a 28 pessoas, que poderão se organizar em até sete grupos. A abertura da maratona será à 00h00 do dia 21, com o Workshop SYNC 3, coordenado por David Borges.

Ele vai apresentar a dinâmica do Hackathon e dar noções básicas de desenvolvimento com o sistema SYNC AppLink, que permite ao motorista acessar aplicativos de smartphones por meio de comandos de voz e da tela do veículo. “Também daremos exemplos de funcionalidades iniciais de conexão com o carro que serão úteis no desenvolvimento do aplicativo final”, explica o executivo.

A Ford vai fornecer para os participantes o protótipo de um aplicativo integrado ao SYNC AppLink, com funções básicas já implementadas e desenvolvido para as plataformas Android e iOS, além de quatro kits técnicos de desenvolvimento do SYNC 3. Especialistas da empresa vão supervisionar e orientar as equipes durante o Hackathon, mas os desenvolvedores devem dispor do seu próprio computador.

Após a atividade, os participantes e a equipe de supervisores e instrutores da Ford promoverão um debate conjunto onde serão discutidos os critérios considerados na criação das soluções apresentadas, como segurança, praticidade, usabilidade, organização e simplicidade do aplicativo. O impacto comercial ou social da solução será outro item debatido. “Não haverá vencedor. Todos os participantes receberão um retorno dos especialistas da empresa sobre a solução criada durante o Hackathon”, explica o executivo.

Plano global de mobilidade

A Ford criou um plano global para orientar o seu novo modelo de negócios, que consiste em ser, além de uma fabricante de automóveis, uma empresa de mobilidade. Conhecido como Ford Smart Mobility, ele tem como meta a liderança em conectividade, mobilidade, veículos autônomos, experiência do cliente e análise de dados.

No Brasil, entre outras inovações, a Ford foi a primeira empresa automotiva a promover um Hackathon, em 2015, durante a Campus Party. No mesmo ano, realizou o Desafio São Paulo de Mobilidade, dentro do seu programa global de experimentos de mobilidade. O objetivo foi incentivar os desenvolvedores a criar novas soluções para a integração dos meios de transporte na cidade de São Paulo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.