E hoje o governo federal publicou no diário oficial as novas alíquotas para consoles, acessórios e aparelhos com tela embutida.

Com o novo decreto, o imposto para os consoles agora é de 30%, 22% para acessórios e 6% para consoles com tela embutida.

Essa é a segunda vez que o imposto que antes era de 50% foi reduzido para a alegria dos gamers, pois aqui é um dos lugares mais caros do mundo para se ter um aparelho.

Resta saber se esse novo valor de imposto, será refletido nos novos consoles, caso afirmativo e ele seja repassado na integra, a redução dos aparelhos pode chegar a R$ 500,00, pode parecer pouco, mas já é melhor do que nada.

Segundo um grupo fechado de gamers, que alegam serem parcialmente responsáveis pelo feito, a meta é que seja mantido as “perturbações” até que o imposto chegue em 15%.

SE isso vai ocorrer, só saberemos no futuro, mas fato é que em 2 anos tivemos 20% de redução dos impostos, e com o dólar do jeito que está isso ajuda e muito todos que amam e adoram comprar e se divertir, ainda mais nessa época que temos que ficar muito em casa, o vídeo game tem sido um grande aliado.

No Brasil vídeo game era taxado como jogo de azar, e existe uma pauta para que eles sejam zerados de alguns impostos, mas está parado desde agosto passado, apesar de já ter sido aprovada para votação.

Perguntamos para a Sony e Microsoft sobre os valores dos novos aparelhos, mas até o momento que terminei o post, ambas as empresas não responderam aos e-mails.

Caso sejam respondidos irei atualizar o post.

Abraços.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui