A Mobile World Congress, é onde os fabricantes costumam mostrar o que vai ser lançado esse ano e alguns projetos futuros.

Ano passado o Boom foi óculos de realidade Virtual, que apesar de eu em particular, gostar muito, ainda não conseguiu emplacar, pelo custo do produto e as vezes por precisar de um hardware robusto para funcionar.

Esse ano teremos uma diferença, pela primeira vez a Samsung, que apesar de estar presente na feira, e de ter um evento no domingo, não irá apresentar o novo Galaxy S8 em Barcelona, pois já tinha comunicado que por conta dos problemas do Note, estava com a produção atrasada do S8 devido aos novos testes que o aparelho foi submetido.

Mas ainda se acredita que irá pelo menos mostrar um pouco do que será o novo aparelho da Marca.

A LG vai apresentar o novo G6, e provavelmente alguns modelos intermediários e acessórios para os celulares, é esperado que desta vez o produto que seja apresentado o G6, venha para o Brasil com sua configuração máxima, e não uma versão inferior.

A Moto/Lenovo, provavelmente vai apresentar acessórios para a linha Moto Z, novos Snaps, e alguns produtos que podem não ser vendidos no Brasil, ainda não é esperado uma nova versão do Moto Z, mas devido ao sucesso do aparelho, a Moto/Lenovo pode ter mudado a estratégia e apresentar algo já em Barcelona, já que irá fazer um evento FORA da feira no domingo.

A Sony vai apresentar provavelmente novos tablets e algum celular top e intermediário, infelizmente a empresa no Brasil não tem mais apostado como antes, e os aparelhos que são muito bons, hoje são importados e tem preço pouco competitivo, mas fica sempre a esperança de que as coisas mudem. Acredito que também irá mostrar a evolução de alguns produtos que foi mostrado como projeto em 2016.

Alcatel também vai apresentar novos produtos e esses são diretamente interessantes para o Brasil, pois os produtos tem um hardware bem forte com preços agressivos.

A Meizu promete apresentar um aparelho melhor que qualquer iPhone ou Galaxy já visto. Será???

Infelizmente a empresa não atua no Brasil.

A Xiami, bom vamos mudar de assunto, afinal a empresa desistiu do Brasil em menos de 1 ano com produtos ruins que tentou fazer valer pela estratégia do Hugo que também já deixou a empresa.

A ZTE sempre forte na MWC deve apresentar produtos que podem vir para o Brasil.

Teremos muitas novidades na MWC e Estarei lá para cobrir e mostrar tudo para vocês em breve.

Muita coisa na MWC nem chega ao nosso mercado, mas vale a pena a gente conhecer e desejar né hehehehehehehe

Abraços

Richard Max

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.