Tempo para Leitura: 3 minutos

Grande, imponente, e com hardware bem acima dos concorrentes, a Samsung mostrou ontem seu novo relógio. Na contra mão dos outros fabricantes que apostam no Android Wear, a Samsung manteve seu relógio preso a aparelhos de sua marca, o novo Relógio vai funcionar com o S4, S5 Note 3 e Note 4. E conta com algumas diferenças em relação aos outros até mesmo da marca.

O Samsung Gear S oferece recursos avançados e aplicativos selecionados para uma melhor experiência. “O Gear S vem para complementar o maior completo portfólio de wearables do Brasil”, afirma João Pedro Flecha de Lima, Vice-Presidente de Mobile da Samsung Brasil. “Desde o lançamento do Galaxy Gear em 2013, a Samsung tem trabalhado para criar e trazer os produtos mais inovadores, sempre com a premissa de que, assim como os smartphones, a tecnologia vestível pode transformar a sociedade por meio do seu usuário”, complementa.

O novo Samsung Gear S possui todo o poder de conectividade, mesmo afastado de um smartphone. Ao incluir conexão 3G, Bluetooth e Wi-Fi, ele permite que usuários permaneçam informados com notificações das redes sociais, agendas e aplicativos. Além disso, por meio do SIM card é possível fazer e receber chamadas diretamente do pulso ou receber ligações encaminhadas pelo seu smartphone. Mensagens de texto também podem ser respondidas de forma instantânea, usando o teclado na tela ou por meio do identificador de voz, o S Voice.

Pensado para todo tipo de atividades, o Gear S conta com uma tela Super AMOLED curva de duas polegadas que se encaixa confortavelmente no pulso. resistência a água e poeira e diversos recursos de produtividade, conectividade, saúde e esportes, reuniões, evento sociais, lazer e atividades rotineiras.

Para quem busca cuidar da saúde, praticar atividades físicas e está atrás de aventura, o Samsung Gear S traz leitor de batimento cardíaco, GPS integrado e permite o controle e acompanhamento das funcionalidades do S Health e de aplicativos como Nike+ Running direto da tela do relógio, sem a necessidade do smartphone.

Para manter a motivação durante o dia a dia, o usuário também pode armazenar as músicas de seus artistas e bandas favoritos direto na memória interna de 4GB do relógio. Com de fones de ouvido Bluetooth como o Level Over e Level On, além do recém anunciado Gear Circle, ele pode levar a sua trilha sonora para todo lugar.

Bom, o novo relogio da Samsung veio com coisas bem interessantes como o GPS já integrado e OFF line, o que ajuda muito quando não temos conexão, tem WIFI e Bluetooth e #g, a parte do 3G que acabou ficando um pouco complicada, já que nos força a ter uma segunda linha para usar o produto de forma independente do celular, pois ainda não é possível ter o mesmo numero em dois produtos. e alguns aplicativos como o Whatsapp que ficam atrelados ao numero, podem não trabalhar de forma habitual, pois o chip no relógio faria ele a usar esse numero.

Gostei muito da tela, apesar de ser bem grande o relógio, ela é bem funcional, como relógio eu ainda fico com o Moto 360 que é mais cara de relógio, acho mais bonito, mas para uso de recursos o S realmente veio bem qualificado, mas o ponto negativo é o fato de ser apenas para produtos da Samsung, o que limita de forma considerável suas vendas. Outro ponto negativo é que a Samsung manteve o carregador no estilo proprietário dela, ou seja precisa sempre estar com a Dock por perto, a diferença agora é que a Dock tem uma bateria, que você pode dar uma carga no relógio que dura mais ou menos 2 dias, sem precisar por na tomada.

A parte triste fica com o preço que no Brasil vai custar a bagatela de 1499,00, um preço bem alto para um produto que ainda não tem uma posição marcada no mercado, se a gente conversar com muita getnte, percebemos que muita gente ainda torçe o nariz, alguns acham legal mas não teriam e poucos acham que são úteis, bom eu faço parte dessa ultima leva haha, e como tal não pretendo ficar sem ele.

Ficou muito bonito, e os relógios estão cada vez mais completos, onde iremos parar? Não sei, mas hoje os melhores relógios são o Moto 360 e o Gear S. o Moto 360 ainda tem que esperar o Android Wear evoluir para que ele realmente mostre seu potencial, enquanto o Gear S, na sua terceira geração em menos de 2 anos, já está mais tarimbado, a vantagem do Moto 360 é ser compatível com qualquer android, mas por outro lado, ainda tem poucas coisas que fazem o relógio ser um diferencial, já o Gear S da samsung está mais completo, mas pesa sobre ele o fato de ser exclusivo com produtos Samsung, o que alem de limitar as vendas, também faz o usuário pensar se vale a pena trocar seu telefone por um aparelho que seja compatível com o relógio.

Bom esse é um futuro sem volta, agora é torcer para que eles evoluam cada vez mais, e que a gente possa usar tudo que eles oferecem.

Disponibilidade

O Samsung Gear S estará disponível em todo o Brasil a partir de 08 de novembro, nas cores preta e branca, com preço sugerido de R$ 1.499,00.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.